Plástico atinge a enigmática Ilha de Páscoa

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A quantidade de lixo que invade a Ilha de Páscoa tira o sono a boa parte dos cerca de 12 mil habitantes do local.  

As atividades turísticas têm levado à enigmática ilha alguns problemas, como a acumulação de plástico e outros resíduos. 

Apesar de a base econômica da ilha ser a agricultura, especialmente com as plantações de batata doce, cana-de-açúcar e banana, os locais tentam reciclar todo o lixo que encontram na orla costeira. 

Outro fator de preocupação da comunidade local é a subida do nível dos oceanos, que está obrigando os moradores a deixar as suas plantações e mover-se em direção ao centro da ilha.  

Na última década, o mar avançou anualmente 3,6 milímetros, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU).