Pandemia coloca 61 novos nomes na lista de bilionários da Forbes

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Em 2020, a pandemia de coronavírus contribuiu para o surgimento de novos bilionários, principalmente no segmento da saúde.

A lista de Bilionários do Mundo da Forbes encontrou 61 novos ricaços da saúde este ano.

Pelo menos 40 deles se juntaram à lista graças ao seu envolvimento na luta global contra a pandemia da Covid-19

Podemos citar como exemplo, o italiano Sergio Stevanato, que tem uma fortuna estimada de US$ 1,9 bilhão.

Ele é fundador do Stevanato Group, de propriedade familiar, que produz muitos dos frascos de vidro usados ​​para envasar as vacinas. 

Entre os novos bilionários da área de saúde, também podemos citar:

  • Prathap Reddy (US$ 1,5 bilhão), um médico bilionário da Índia cuja rede de hospitais dobrou o preço de suas ações.
  • Uğur Şahin (US$ 4 bilhões), médico da Turquia que fundou a empresa alemã BioNTech, que desenvolveu uma vacina em parceria com a Pfizer.
  • Stéphane Bancel (US$ 4,3 bilhões), o CEO francês da Moderna, empresa sediada nos Estados Unidos, que teve sua vacina contra a Covid-19 aprovada no país em dezembro.