Médico preso no Egito volta ao Brasil

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

O médico brasileiro Victor Sorrentino retornou ao Brasil após prestar esclarecimentos às autoridades do Egito.

Sorrentino foi detido no Egito no dia 30 de maio por assediar verbalmente uma vendedora muçulmana.

Em live na última terça-feira (8), o médico agradeceu pelo apoio dos seguidores e reforçou o pedido de desculpas:

“Eu devo aqui as minhas sinceras desculpas à menina, com quem já me desculpei muitas vezes, à família dela, com quem já me desculpei, a todos que se sentiram ofendidos e ofendidas, essas comunidades femininas que se sentiram agredidas.”

Sorrentino, no entanto, criticou a forma como o caso foi tratado nas redes sociais:

“[Meus familiares] foram bastante julgados, eles foram agredidos, ameaçados… Por conta de 15 segundos de um vídeo que eu me desculpei, de um erro que aparentemente é inafiançável: usar palavras erradas.”