Ferrovias de MG podem atrair R$ 26 bilhões em investimentos

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

O governo de Minas Gerais assinou, na última terça-feira (8), um decreto para viabilizar um novo regime estadual de operação de ferrovias.

A ideia é possibilitar o 1º trecho ferroviário do Brasil administrado no modelo de autorização, isto é, quando uma empresa privada atua por conta e risco próprios.

No entanto, até agora, o Congresso Nacional ainda não aprovou o projeto de lei que permite esse tipo de regime em ferrovias federais. 

Dessa forma, Minas Gerais está se antecipando ao Parlamento.

A Assembleia Legislativa do Estado já deu aval ao modelo — a única coisa que falta é a regulamentação, que já foi despachada pelo governador Romeu Zema (Novo). 

Até o primeiro trecho a adotar o novo regime já foi definido pelo governo: 130 quilômetros de trilhos entre Lavras e Varginha