7 locais mal-assombrados nos Estados Unidos

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Não importa em qual lugar do mundo você more, sempre haverá histórias de locais mal-assombrado por perto.

Quer você acredite ou não em histórias de fantasmas, os 7 locais assustadores nos Estados Unidos citados nesta reportagem deixarão seus cabelos em pé.

7. Farol de St. Augustine, na Flórida

Subindo cerca de 50 metros acima da Ilha de Anastasia está um dos locais mais impressionantes e lendários da costa da Flórida, o farol de St. Augustine.

O local foi o cenário de várias mortes malsucedidas ao longo dos anos. Os visitantes do farol dizem ouvir o som de crianças brincando dentro e ao redor do farol.

Foto: Reprodução/Getty

6. Winchester Mystery House, na Califórnia

Atualmente uma atração turística, esta mansão na Califórnia é conhecida mundialmente por seus relatos de assombração.

A casa é notável por suas amplas dimensões e a completa falta de projeto estrutural. 

De acordo com as lendas locais, a viúva Sarah Winchester acreditava que a casa era assombrada pelos fantasmas daqueles mortos por rifles Winchester, e que só a construção contínua poderia apaziguá-los.

Foto: Reprodução/Getty

5. Prisão Eastern State, na Filadélfia

A prisão Eastern State precisou abandonar seu sistema de solitária devido às denúncias de tortura contra os detentos. 

Mas isso não quer dizer que as outras formas de punição utilizadas por lá tenham ficado menos severas.

Após ser desabilitada, a prisão, agora, recebe milhares de visitantes todos os anos. Inclusive, um evento chamado “Terror atrás das paredes” apresenta seis atrações assombradas dentro das paredes da prisão. 

Acontecimentos paranormais relatados por visitantes incluem risos de desencarnados, figuras sombrias e sons de passos.

Foto: Reprodução/Alamy

4. RMS Queen Mary, na Califórnia

Após uma breve atuação como navio de guerra na Segunda Guerra Mundial, o RMS Queen Mary serviu como um transatlântico de luxo de 1936 a 1967.

Durante esse tempo, o navio testemunhou assassinatos e afogamentos de crianças nas piscinas. 

Em 1967, a cidade de Long Beach, na Califórnia, comprou o navio e o transformou em hotel, e ainda hoje serve a esse propósito.

Aparições de fantasmas costumam ser relatadas pelos hóspedes que visitam o navio.

A sala de máquinas do navio é considerada por muitos como o ponto de maior atividade paranormal.

Foto: Divulgação/Getty

3. Casa Lizzie Borden, em Massachusetts

Em 4 de agosto de 1892, os corpos de Andrew e Abby Borden foram encontrados espancados de forma irreconhecível em sua casa. 

A principal suspeita: sua filha mais nova, Lizzie — que foi considerada inocente.

Agora, após ser transformada numa hospedagem-museu, os visitantes podem fazer um tour pela casa ou até mesmo passar a noite no quarto onde a família Borden foi assassinada.

Visitantes e funcionários relatam todos os tipos de atividades estranhas na casa, incluindo choro e sons de passos, além de aparições de fantasmas com roupas da era vitoriana nos corredores, portas abrindo e fechando e conversas abafadas vindas de quartos vagos.

Foto: Divulgação/Wikimedia Commons

2. Hotel Stanley, no Colorado

Este hotel localizado nas montanhas do Colorado inspirou a obra mais vendida do escritor Stephen King, que acabou tornando-se o filme de terror “O Iluminado”.

Ao longo dos anos, muitos avistamentos de fantasmas foram relatados pelos hóspedes.

Alguns deles também costumam ouvir uma misteriosa música de piano no hotel. 

O hotel aproveita sua reputação assustadora de maneira bastante inteligente, oferecendo passeios noturnos para aqueles em busca de emoção.

Hotel Stanley, no Colorado | Foto: Divulgação/Alamy

1. Asilo Lunático Trans-Allegheny, na Virgínia Ocidental

O Asilo Lunático Trans-Allegheny abriu suas portas para pacientes em 1864.

Embora tenha sido projetada para abrigar apenas 250, na década de 1950, a instalação localizada na Virgínia Ocidental atingiu seu pico, abrigando mais de 2,4 mil pacientes.

A severa superlotação levou a condições desumanas, e os pacientes passaram a agir cada de formas cada vez mais violentas.

O asilo foi finalmente fechado em 1994, mas dizem que os fantasmas de alguns pacientes ainda permanecem por lá. 

Passeios sobrenaturais” estão disponíveis para aqueles que desejam ver como alguns pacientes viveram — e morreram — nos corredores apertados.

Asilo Lunático Trans-Allegheny | Foto: Reprodução/Alamy